Bate-papo Histórias em quadrinhos: André Diniz, Caco Galhardo e Rodrigo Rosa

Caco Galhardo, Rodrigo Rosa e André Diniz

Na manhã do segundo dia da Flip, três polêmicos quadrinistas brasileiros se juntaram na FlipZona para debater a situação dos HQ no Brasil.

Segundo eles, é o governo o comprador mais importante, o que, consequentemente, leva os autores a terem uma linha mais educacional, produzindo álbuns ao invés das “revistinhas”.

Rodrigo Rosa, por exemplo, tenta resgatar a cultura literária nos quadrinhos reproduzindo obras como O Cortiço, de Aluísio Azevedo, Os Sertões, de Euclides da Cunha e Memórias de um sargento de milícias, de Manuel Antônio.

Já Caco, cartunista da Folha de S. Paulo desde 1996, interpretou “Dom Quixote”, mas afirma preferir desenhar para os jornais.

André Diniz, roteirista e quadrinista, por sua vez, começou escrevendo roteiros para que desenhassem e, hoje em dia, já faz o inverso e o por inteiro. Retratou em seu álbum Morro da Favela a história de vida de um fotógrafo que cresceu no Morro da Providência, no meio da violência, e descobriu a fotografia. André também projetos inusitados em xilogravura.

Os quadrinistas concluem a mesa dizendo que, ultimamente, os HQ’s brasileiros são mais valorizados no Brasil do que os estrangeiros. A procura do governo impulsiona uma produção de álbuns longos e mais qualificados, mas, em contra ponto, limita um pouco o público leitor da nova literatura que anscende, seja pelos preços dos livros ou por sua complexidade.

 por Clarice Moreira, Iasmin Cantídio e João Pedro Barreto

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s