Exposição “…tudo hoje precisa um pingo, uma letra…”

foto:Divulgação

Está acontecendo na Casa do Festeiro, juntamente com a 9º edição da FLIP, a exposição …Tudo hoje precisa um pingo, uma letra…

Alunos da Comunidade Costeira da Ponta Negra – praia de acesso restrito, onde não há luz elétrica e a maioria das pessoas não são alfabetizadas – foram escribas de pessoas analfabetas que enviaram mensagens sobre a importância da Literatura aos visitantes da Festa. Essas mensagens foram postas em garrafas e simbolicamente lançadas ao mar.

Isso nos mostra como uma nova geração cresce nesta comunidade e como a literatura torna-se uma nova forma de comunicação e participação no mundo.

por: Alerson Godoy, Lucineia Aguiar e Tatyana Aguiar

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s