O 5º Encontro de Paraty vai juntar Teatro e Poesia

Teatro e Poesia é o tema do próximo Encontro de Paraty e vai reunir Flávio Araújo, Themilton Tavares e Ovídio Poli.

A poesia está presente em cada canto de Paraty. Como ela inspira os autores e atores locais? Como ela se relaciona com a imagem? Como esse olhar sensível
contribui para a valorização da nossa identidade? Podemos dizer que a literatura e o teatro fazem parte do patrimônio cultural de Paraty?

Local: Casa da Praça
Praça da Matriz
ao lado da sede do IPHAN-Paraty
Horário: das 18hs às 20hs

     

Flávio de Araújo nasceu na Praia do Sono. Têm poemas publicados em sites, revistas literárias e coletâneas como o Legado da Fliporto ao lado de Ariano Suassuna e Affonso Romano de Sant`Anna. Em 2009 lançou seu primeiro livro, Zangareio pelo Selo OFF FLIP. Participou da FLIPORTO – Festa Literária Internacional de Porto de Galinhas e do XIV Festival Internacional de Poesia de Havana – Cuba 2009.

Em 2011, junto com Ovídio Poli, organizou a programação literária da OFF FLIP. Seu primeiro livro está em processo de tradução para o inglês pela Universidade de Colúmbia – EUA e Recentemente, em parceria com Patrick da Oficina Paratiense de Gravura, lança seu livro artesanal, de poesia.

Ovídio Poli é escritor e mora em Paraty há seis anos. É formado em Filosofia (USP), mestre em Educação (USP) e doutor em Literatura Brasileira (USP). Foi um dos finalistas do Prêmio Guimarães Rosa/RFI (Paris – 1997) e teve destaque em concursos e prêmios literários brasileiros: Paranavaí (2002), Paulo Leminski (2002/2005), Luiz Vilela (2005), Fliporto (2005), Unicamp 40 anos (2006) e Newton Sampaio (2006).

Publicou a narrativa satírica O caso do cavalo probo (2006), o livro de contos Sobre homens e bestas (2007) e o livro infanto-juvenil A rebelião dos peixes (2011 – ilustrado pelos seus filhos).

Organiza desde 2006 a programação literária da Off Flip, é curador do Prêmio Off Flip de Literatura e editor do Selo Off Flip.

Participou como autor convidado da Fliporto – Festa Literária Internacional de Porto de Galinhas (PE), do Fórum das Letras de Ouro Preto (MG) e da Flimar – Festa Literária de Marechal Deodoro (AL). Em 2011 foi um dos curadores da I Feira Literária Raul Pompeia, realizada em Angra dos Reis (RJ).

Themilton Tavares mora em Paraty desde 1976. Ator profissional, em São Paulo, foi protagonista da novela “Eu e a Moto” na TV Record, encabeçou elenco na peça “A Perseguição”, tendo sido dirigido por Antunes Filho e Aldemar Guerra, entre outros.

Fundou o “Grupo Teatral Paratiense Guarda a Chave no Trombone” e iniciou um trabalho de teatro de rua, escrevendo, produzindo e dirigindo. Há 8 anos dirige o espetáculo “Um Homem Chamado Jesus” durante a Semana Santa do qual participam mais de 100 atores entre crianças, jovens, adultos e idosos. No CEMBRA, atua como Animador Cultural.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s