Bonecos de Vidas Secas estão na Praça da Matriz

Em todos os anos, uma das maiores atrações da Flipinha são os bonecos da Praça da Matriz. Sempre inspirados na obra do autor homenageado, fazem grande sucesso não só com as crianças, mas também com os turistas e moradores.

O artista plástico Lúcio Cruz, junto com sua equipe convidada, monitoraram neste ano a oficina de produção dos bonecos, com os jovens das comunidades Ilha das Cobras e Mangueira. As esculturas são produzidas em papel machê, método já tradicional em Paraty.

Crianças se divertem com os bonecos

A cachorra Baleia, de Vidas Secas, em papel machê

Sempre retratando passagens de livros e fazendo o misto entre a literatura e a cultura paratiense, a decoração da praça conta com cerca de 40 bonecos. Retratam não só livros famosos de Graciliano Ramos – como Vidas Secas, São Bernardo, Infância e Terra dos Meninos Pelados – como a dança das fitas, típica da cultura de Paraty.

Adriana Faustino, de 31 anos, e Felipe Commetti, de 29, vieram de Rondônia e se surpreenderam com toda a preparação da cidade, principalmente na Praça da Matriz. “Esse trabalho artístico dos bonecos e toda a decoração é impressionante, é a primeira vez que viemos a Paraty e por acaso aqui encontramos a Flip. Estamos gostando muito.”, disse Adriana.

Lorraine Cruz, 16 anos / Daniela Marsico, 12 anos

Ouça ao vivo a FlipZona na Rádio Rua

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s